Pin It

Please assign a menu to the primary menu location under menu

O Snapchat é o aplicativo mais promissor em relacionamento lançado nos últimos anos. As marcas de moda já entenderam a necessidade da presença na nova plataforma, especialmente para atingir jovens nascidos entre as décadas de 80 e 90, a chamada geração millennials.

Alguns formadores de opinião chegaram a dizer que o conteúdo do Snapchat era informal e basicamente composto por imagens com pouca qualidade e momentos que não se encaixavam na ‘atmosfera mágica’ do Instagram. Com o passar do tempo foi percebido que o relacionamento nesta plataforma é mais complexo e para atingir resultados efetivos uma boa estratégia é fundamental. Mas afinal, como se relacionar no aplicativo?

Uma marca não pode agir como uma pessoa comum, e a tarefa se torna ainda mais complicada pois a missão é transmitir intimidade, ser jovem e real e ainda assim se manter aspiracional. Neste quesito os blogueiros saem na frente e tem mais facilidade que as marcas. A constância também é necessária, a Louis Vuitton é um exemplo de marca que não conseguiu manter a narrativa. Transmitiu o desfile da Cruise Collection em Palm Springs e após isso apareceu poucas vezes.

Neste primeiro momento marcas brasileiras ainda não trabalham o conteúdo com a mesma qualidade e estratégia das gringas. Por isso, analisamos a story board das marcas Burberry, Coach e Calvin Klein.

burberry-snapchat2

A Burberry é a marca mais inovadora e de maior sucesso no Snapchat. O aplicativo está entre as prioridades da marca para relacionamento, o que demonstra uma escolha corajosa e inesperada se considerarmos a tradição de uma das marcas mais icônicas do mundo. Sob o olhar atento de Christopher Bailey, a Burberry prova que tradição não é estar preso ao passado.

Entre as ações mais importantes, se destaca a campanha clicada por Mario Testino exclusivamente para o Snap. Recodificar a campanha Spring’16 apresentou um resultado interessante e conseguiu fazer com que os usuários sentissem prestígio e exclusividade, premissa importante para marcas de luxo. Além disso, sempre há o cuidado de criar chamadas avisando o dia e horário que suas ações estarão na rede social. Outro exemplo bem sucedido é a cobertura dos desfiles, pensada para que o usuário participe ativamente de cada momento. A preparação, casting, fitting, chegada dos convidados e looks são apresentados de forma especial para os snapchatters.

coach-snapchat

O estilo americano e contemporâneo da Coach é fielmente representado no Snap. Toda a semana conteúdo é produzido especialmente para a plataforma onde os produtos estão sempre em um contexto que comunica o lifestyle do público-alvo. Em algumas cenas, bolsas e mochilas aparecem com o background de intervenções artísticas nas ruas de Nova Iorque, em outras, são locais descolados como uma pista de skate que representam os consumidores.

Entre as estratégias da Coach, está a escrita a mão livre sobre as fotos. A perfeição de vários cliques dão a certeza do cuidado e tempo dedicado ao post. Os valores da marca, como a herança das técnicas artesanais e o zelo pela alta qualidade, são presentes e sempre reforçam a proposta de luxo moderno.

calvinklein-snapchat

O reposicionamento da Calvin Klein rejuvenesceu a marca priorizando a linguagem jovem, descolada e provocativa. Toda a comunicação no Snapchat é dirigida para este público. Os modelos que aparecem nas histórias da marca são comuns, usam pouca maquiagem e deixam a mostra muitas imperfeições – gerando assim, identificação. A Calvin Klein aproveita o contato com um público massivo para trabalhar produtos de fácil acesso como os tops, cuecas, relógios e perfumes.

A sexualidade é explorada e está presente em takes com detalhes dos corpos de modelos e closes em cuecas e corpos, com direito a muitos emoticons! A intenção é estabelecer uma conexão verdadeira, baseada no comportamento digital do consumidor, estar onde ele está e não ser uma marca limita à inspiração.

Fashion brands seguir no Snapchat:

Daqui –
Colcci: @colccioficial
Equus: Equusoficial
Lez a Lez: lezalez
Luiza Barcelos: @luizabarcelosbr
Morena Rosa: @morenarosareal
Mr. Cat: @mrcatoficial
Riachuelo:@snapriachuelo
Tanara: @tanarabrasil

De lá –
Alexander Wang: @alexanderwangny
Burberry: @burberry
Calvin Klein: @calvinklein
Coach: @coachny
Free People: @freepeople
H&M: @hmusa
Juicy Couture: @juicycouturela
Louis Vuitton: @louisvuitton
Michael Kors: @michaelkors
Nasty Gal: @nastygal
Rebecca Minkoff: @rebeccaminkoff
Tibi: @t.ibi
Valentino: @maisonvalentino
Victoria’s Secret: @victoriassecret

Ainda que tudo esteja em um momento experimental já temos bons exemplos a seguir. Afinal, se trata de contar histórias, dividir o cotidiano e momentos únicos com que importa, neste caso, os consumidores.

*Se você conhece outros usuários deixe nos comentários para aumentarmos a lista 😉

Leave a Response